Tecnologia e Inovação

O desenvolvimento tecnológico e a inovação são cruciais à actividade da Efacec. Apoiada nas suas valências e conhecimentos endógenos, a inovação tem como grandes objectivos a criação, optimização e customização de produtos, sistemas e serviços. A importância estratégica da inovação e do desenvolvimento tecnológico está bem patente na constante actualização do portfólio tecnológico onde constam produtos desenvolvidos totalmente “in house”, além dos domínios do cálculo e do projecto, e ainda na produção e nos sistemas integrados, contando para o efeito com um corpo técnico altamente qualificado assim como um extensa rede de parceiros nacionais e internacionais.
A transformação do sector energético apresenta-se como um desafio ao qual a Efacec pretende responder com soluções sustentáveis que se apresentem diferenciadoras. A necessidade de aumentar a eficiência, resiliência e a fiabilidade do sistema mesmo tendo em conta todos os diferentes activos (incluindo fontes de origem renovável) introduz uma pluralidade tecnológica das soluções. Além desta ser uma preocupação nos processos de desenvolvimento interno, a Efacec participa activamente em grupos técnicos internacionais de forma a contribuir e seguir o estado da arte nos standards e normas além das várias evoluções regulamentares que o sector enfrenta.
O processo de inovação e desenvolvimento tecnológico tem como ignição o endereçamento de um problema percepcionado pelos nossos clientes ou que seja vislumbrado num futuro. Com o envolvimento de equipas transversais e potenciando as sinergias entre as diversas Unidades de Negócio e Áreas Corporativas do Grupo Efacec, a diferenciação das soluções que apresentamos aliada à customização que permitem são grandes objectivos que estão presentes nos desígnios tecnológicos e da inovação praticada pela Efacec, seja ela incremental ou disruptiva.
À sábia política de alianças e de licenças com conceituados fabricantes do ramo electrotécnico desenvolvidas desde sempre pela empresa, junta-se, o processo de endogenização do seu conhecimento tecnológico, efectuado de forma sólida e progressiva e assente num forte investimento em I&D. A rede de parceiros tecnológicos e científicas da Efacec é global e tem mais de 50 entidades diferentes.

Estes factores são a base fundamental do desenvolvimento continuado de novos produtos pela empresa, com know-how próprio e total autonomia.

Gabinete de Tecnologia

Articula-se com o Comité de Tecnologia
e tem como Missão
apoiar a definição e concretização
da estratégia de Tecnologia e Inovação
da Efacec
através do desenvolvimento das seguintes actividades externas e internas:

Definição e comunicação do posicionamento tecnológico

Promoção do relacionamento com stakeholders
e de parcerias estratégicas em IDT+I

Radar tecnológico

Desenho do Roadmap tecnológico da Efacec

Criação de condições para o desenvolvimento
de novas oportunidades tecnológicas

Promoção de sinergias quanto
às competências internas de base
e ao conhecimento tecnológico transversal

Promoção de novos projectos de IDT+I

Monitorização da intensidade tecnológica
e da execução dos projectos

Factos | 2016

250

Colaboradores
alocados a ID

>50

Parcerias científicas
e tecnológicas ativas

40

Projetos de ID
em curso

>20

Artigos apresentados
internacionalmente

Em Destaque

Projecto Nº 18006 – NEXTSTEP

2016 – 2019
O projeto visa desenvolver um inovador Posto de Transformação – PT. Os parceiros Efacec Energia – líder do consórcio promotor -, Efacec Electric Mobility, Eneida, Universidade de Coimbra, INESC TEC e ITeCons agregam a experiência e a expetativa da indústria, e o conhecimento e a capacidade científica que as entidades do SCTN aportam ao projeto, visando a criação e a aplicação de novo conhecimento científico, com demonstração na rede de distribuição em Baixa Tensão – BT – da EDP Distribuição, entidade subcontratada. Serão desenvolvidos:

  • Um invólucro modular com elevado desempenho térmico, acústico, físico e mecânico, incluindo: materiais sustentáveis; sensorização ambiental e regulação inteligente da ventilação natural; personalização urbana; cobertura e fachadas verdes, em prol desse desempenho e da captura de CO2.
  • Soluções para resiliência de rede: sensorização sem fios de grandezas elétricas e ambientais (energy harvesting, plug and play, intermutáveis/operáveis).
  • Um controlador do PT com: arquitetura modular e distribuída; monitorização e self-healing remoto da rede BT; monitorização da condição dos ativos; gestão de ativos DER e de iluminação pública; mapeamento automático e agnóstico de smart meters.
  • Um transformador MT/BT, segundo o Ecodesign, com melhor eficiência energética, menor potência sonora e um novo sensor de descargas parciais – DP.
  • Celas MT de menor volume e adaptadas ao novo sensor DP e ao novo detetor de defeitos.
  • Um dispositivo de aplicação flexível – no PT e na rede BT – para: regulação de tensão; prestação de serviços de rede, e.g. mitigação da distorção harmónica, equilíbrio de fases, compensação de cavas e de fator de potência.
  • Um sistema de armazenamento de energia, segundo o Ecodesign, para: acrescentar dimensão à função do dispositivo anterior; aportar eficiência energética, com suporte de capacidade durante o self-healing.

 

Projecto Nº 11122 – DSGrid

2016 – 2018
O DSGrid é um projeto pluridisciplinar que congrega conhecimentos das áreas de (i) energia elétrica, (ii) automação e proteção, (iii) comunicações, (iv) sistemas de tempo real, (v) sistemas embebidos, (vi) cibersegurança e (vii) tecnologias de informação e software, aportados pelas quatro entidades participantes, a Efacec Automação, EDP Distribuição, INESC TEC HASLab (High-Assurance Software Laboratory), e ISEP/IPP CISTER (Research Centre in Real-Time and Embedded Computing Systems). Esta tipologia de sistemas inteiramente digitais caracteriza-se pela integração de redes e substituição dos subsistemas analógicos de sinalização por comunicações de tempo-real e eletrónica, transformando a subestação numa plataforma integrada avançada de automação, controlo, proteção, monitorização e informação desde o processo até às interfaces remotas de supervisão e manutenção/gestão. As vantagens incluem a simplificação de instalações e processos, a flexibilidade e expansibilidade, interoperabilidade, desempenho e fiabilidade e segurança (safety) de operação.

 

Projecto Nº 11490 – ADMS4LV

2016 – 2018
Este projeto visa o desenvolvimento de um sistema de gestão da rede BT cujo objetivo contribua para uma implementação efetiva das smart grids, através da criação de soluções flexíveis que permitam não só antecipar as tendências futuras mas também suportar o aparecimento de novas soluções técnicas, comerciais e de regulação, fomentando assim uma maior eficiência na operação das redes elétricas. Partindo do potencial criado pelas diversas iniciativas de implementação de infra-estruturas de smart metering, capazes de apoiar o desenvolvimento do conceito de smart grid, a rede de Baixa Tensão (BT) revela atrásra, mais que nunca, um conjunto de ativos com características heterogéneas. Enquanto as redes BT convencionais têm possibilidades de controlo muito limitadas, as smart grids oferecem atrásra várias possibilidades de gestão dinâmica da rede. É exatamente esse o objectivo do sistema ADMS4LV.

 

Projecto Nº 19597 – EEM@Future

2016 – 2018
O projeto EEM@Future tem como objetivo o desenvolvimento de novos produtos e direcionar eficientemente a sua capacidade de produção a normas e requisitos específicos de cada mercado onde a empresa pretende reforçar ou obter um novo posicionamento (caso do mercado dos carregadores AC).
Para tal, grande parte do investimento pretende melhorar a área fabril e laboratório de Inovação e Desenvolvimento com vista a permitir uma rapidez e maior flexibilidade de resposta face a necessidades ou solicitações específicas de desenvolvimento de produto, em função de cada mercado. Neste âmbito, importa reforçar que um carregador desenvolvido para o mercado asiático é diferente de um produto direcionado para o europeu, dados os requisitos e normas serem totalmente diferentes. Nesse sentido, urge a necessidade de conseguir metodologias e ferramentas internas mais ágeis para uma rapidez de resposta mais elevada face a lacunas de mercado ou solicitações específicas.

Projecto Nº 7732 – Evolution

2015 – 2017
O projeto “EVolution” visa desenvolver inovadoras soluções de carregamento de veículos elétricos (EVSE), nomeadamente em quatro áreas principais:

  • Carga rápida com armazenamento de energia, o que permite otimizar a potência da instalação fazendo peak shaving, uma vez que este tipo de carga caracteriza-se por um consumo de pico elevado e um consumo médio bastante inferior;
  • Na carga sem contacto (Wireless EV charge ou WEVC);
  • Na carga super-rápida a potência elevada, até 500 kW, e a tensão elevada, até 900 V;
  • Em soluções avançadas de controlo do processo de carregamento, dando sequência ao projeto EFA iCHARGE, desenvolvendo soluções baseadas no protocolo OCPP 2.0 e no protocolo ISO 15118 com enfâse na sua integração na rede elétrica e bidirecionalidade, e o desenvolvimento de um EV technical portal que permita uma gestão técnica dos elementos de uma rede de carregamento, complementar à gestão de negócio que normalmente já está presente.

 

Projecto Nº 8797 – SmarTHER

2015 – 2017
O projeto SmarTHER CORE Transformers persegue o desenvolvimento integrado e transversal de capacidades (conhecimentos, metodologias e processos) que permitam a conceção e construção a curto-prazo de transformadores termicamente mais eficientes, mais inteligentes e mais flexíveis. O projeto foca-se em transformadores de potência do tipo CORE e assenta estrategicamente em 4 linhas de investigação complementares que serão conduzidas simultaneamente: 1) a modelização numérica multífisica e multidisciplinar combinada, 2) a modelização algébrica (portanto de ordem reduzida e mais simplificada), 3) as respetivas validações experimentais multi-escala e 4) a otimização do atual ciclo de desenvolvimento do produto. Este projeto, sendo transversal, será garantido por equipas internas da EFACEC (que se reforçarão) e simultaneamente recorrerá à subcontratação dos serviços da Universidade do Porto, cujo forte histórico de colaborações conjuntas na modelização térmica de transformadores se acredita garantir tamanha dimensão de resultados na escala de tempo apresentada. O objetivo é por isso atingir resultados a curto-prazo que permitam: 1) produzir transformadores de potência do tipo CORE com um Throughput Time reduzido em 17%, 2) produzir transformadores do tipo CORE com uma performance mais repetível reduzindo o seu custo médio em 2%, 3) e prever a performance térmica deste tipo de transformadores perante perfis dinâmicos de carga.

 

Projecto Nº 11494 – SmartTransit

2015 – 2017
O projeto SMARTTRANSIT alicerça-se na inovação tecnológica como fator diferenciador e decisivo para que o promotor e a UN Transportes reforce a sua capacidade de liderança em mercados internacionais e se posicione na vanguarda das empresas portuguesas exportadoras de tecnologia e de soluções avançadas. As realizações do projeto permitirão à empresa, aumentar a sua oferta, no que concerne a soluções chave-na-mão, para o segmento de mercado dos metros ligeiros e ferrovias, reforçando a competitividade, aumentando a autonomia tecnológica, aportando funcionalidades e ferramentas diferenciadoras dos demais fabricantes. Com o presente projeto pretende-se desenvolver uma nova solução orientada aos Sistemas de Ajuda à Exploração (SAE) e de informação ao passageiro/público, tendo como objetivo principal o controlo avançado da regularidade e da pontualidade do serviço de transporte que é disponibilizado, a informação em tempo real e o controlo e gestão das operações e dos recursos envolvidos. Pretende-se ainda desenvolver uma solução/ferramenta que permita auxiliar os operadores de transporte na implementação de práticas de condução ecológica, e uma solução avançada para comunicações assente nas tecnologias mais modernas para comunicações de voz e dados.

Projecto Nº 039016 – UEB

O UEB é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a CAETANOBUS-Fabricação de Carroçarias, S.A. na qualidade de Chefe do Consórcio e a Efacec Engenharia e Sistemas, FEUP e INEGI como co-promotores, financiado em € 1.000.000 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2014/039016 com um montante de investimento global aprovado de € 2.009.873 e com um período de execução compreendido entre 01/set/2013 e 01/jun/2015. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de um autocarro urbano com motorização 100% eléctrica equipado com um sistema de carregamento assente no standard CO que permita a recarga das baterias em qualquer ponto de carregamento da rede de carga de veículos eléctricos, e que configure uma solução técnica e economicamente viável e, simultaneamente, alcance de um nível de autonomia até 250km e uma capacidade igual ou superior a 75 passageiros.

 

Projecto Nº 038910 – Linked:PM

O Linked:PM é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EFACEC SISTEMAS DE GESTÃO, SA na qualidade de Chefe do Consórcio e Shortcut e Efacec Engenharia e Sistemas, SA como co-promotores, financiado em € 148.998, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2014/038910 com um montante de investimento global aprovado de € 242.723, e com um período de execução compreendido entre 02/jan/2014 e 30/jun/2015. Tem como principal objectivo captar, gerir e disseminar o conhecimento gerado nas atividades de projeto contribuindo para a criação e manutenção da memória organizacional baseada na interligação dinâmica e em rede de toda a informação interna e externa relevante para a gestão e desenvolvimento de projectos.

Projecto Nº 30305 – Ipsilon

O Ipsilon é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 538.748,34 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2013/30305 com um montante de investimento global aprovado de € 2.154.993,35 e com um período de execução compreendido entre 01/mar/2013 e 28/fev/2015. Tem como principais desafios, que se pretende que redundem em sistemas, produtos e soluções:
– uma nova plataforma multi-funcional e multi-serviço em que o conceito de operação e de integração é completamente inovador;
– um módulo/sistema para Gestão e Controlo de Parque de Material e Oficinas (PMO) para Metros Ligeiros;
– um sistema de sinalização/encravamento para PMOs com nível de integridade de segurança SIL4;
– um sistema para detecção de veículos metro-ferroviários suportado em sensores de fibra óptica e orientado a controlo de PMOs

 

Projecto Nº 30249 – MonitorBT

O MonitorBT é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA na qualidade de Chefe do Consórcio e INOV Inesc como co-promotor, financiado em € 724.576, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2013/30249 com um montante de investimento global aprovado de € 1.125.169, e com um período de execução compreendido entre 01/Jun/2013 e 31/Mai/2015. Tem como principal objectivo Tem como principal objectivo detectar e localizar automáticamente as falhas na rede BT e Iluminação Pública bem como o controlo dinâmico de potência injectada na rede por parte de micro-produtores. Será também realizada a sensorização da rede BT por forma a suportar estas funcionalidades, destacando-se neste âmbito as actividades relacionadas com a investigação e desenvolvimento da rede de comunicações e algoritmia avançada para optimização da operação da rede BT.

 

Projecto Nº 034071 – QT1

O QT1 é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EFACEC ENERGIA – MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS ELÉCTRICOS, SA na qualidade de Chefe do Consórcio e Fibersensing como co-promotor, financiado em € 536.994 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2013/034071 com um montante de investimento global aprovado de € 1.180.106 e com um período de execução compreendido entre 01/jul/2013 e 26/jun/2015. Tem como principal objectivo a aquisição de know-how para o desenvolvimento de uma nova gama de transformadores de baixo ruído que cumpra a restritiva legislação acústica aplicável em regiões urbanas densamente povoadas.

Projecto Nº 24663 – EFAiCharge

O EFAiCharge é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 662.891,25 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2012/24663 com um montante de investimento global aprovado de € 1.234.646,06 e com um período de execução compreendido entre 27/Mar/2012 e 26/Mar/2014. Tem como principal objectivo abordar duas áreas complementares que irão interagir, endereçando não só a infraestrutura de carregamento que assegurará o interface com os veículos, como também a interface com a gestão inteligente da rede eléctrica, sendo determinante para minizar o impacto da integração dos VE nas redes eléctricas.

 

Projecto Nº 24661 – SCADA BT

O SCADA BT é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 769.300,74 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2012/24661 com um montante de investimento global aprovado de € 1.307.787,93 e com um período de execução compreendido entre 01/Set/2012 e 31/Ago/2014. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de soluções tecnológicas e comerciais, bem como sistemas, que contribuam para uma implementação efectiva das SmartGrids, criando soluções flexíveis que permitam antecipar as tendências futuras, mas que suportem também o aparecimento de novas técnicas, comerciais e de regulação, fomentando uma maior eficiência na operação da rede eléctrica.

 

Projecto Nº 24777 – NxVERTER

O NxVERTER é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 390.300,85 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2012/24777 com um montante de investimento global aprovado de € 956.045,40 e com um período de execução compreendido entre 01/Set/2012 e 31/Ago/2014. Tem como principal objectivo a investigação e desenvolvimento de conversor electrónico destinado a centrais fotovoltaicas de grande potência.

Projecto Nº 21592 – HbioS

O HbioS é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a WeDoTech na qualidade de Chefe do Consórcio e EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, Universidade Católica Portuguesa como co-promotores, financiado em € 436.410, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2011/021592 com um montante de investimento global aprovado de € 782.788, e com um período de execução compreendido entre 01/Jan/2012 e 31/Dez/2014. Tem como principal objectivo introdução de inovações biotecnológicas para a remoção do H2S presente no biogás.

 

Projecto Nº 13843 – TICE.MOBILIDADE

O TICE.MOBILIDADE é um projecto Mobilizador, desenvolvido entre a METICUBE – Sistemas de Informação, Comunicação e Multimédia, LDA na qualidade de Chefe do Consórcio e mais 28 empresas/entidades nas quais está incluída a EFACEC Engenharia e Sistemas, S.A. como co-promotores, financiado em € 4.014.549,5 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2010/013843 com um montante de investimento global aprovado de € 5.637.912,69 e com um período de execução compreendido entre 01/Jan/2011 e 31/Dez/2013. Tem como principal objectivo a exploração de novas soluções para o transporte urbano, mais eficientes e abrangentes, através do uso de tecnologias de informação e comunicação (TIC) que permitam integrar as várias soluções disponíveis, duma forma ecológica, energeticamente eficiente e com mais qualidade para o utente, em coordenação e cooperação com outras iniciativas nacionais.
www.tice.pt

Todos os Projectos

HORIZON 2020

INCITE (Innovative controls for renewable source integration into smart energy systems)

is Marie Sklodowska-Curie European Training Network (ITN-ETN) funded by the HORIZON 2020 Programme that brings together experts on control and power systems, from academia and industry with the aim of training fourteen young researchers capable of providing innovative control solutions for the future electrical networks.

New smart meters, distributed generation, renewable energy sources and the concern about the environment are redefining electrical networks. Now, both consumers and generators are active agents, capable of coordinating the power exchange in the electrical grids depending on multiple factors. To take full advantage of the new electrical networks, it is necessary a coordinated and harmonic interaction of the all actors in the network. Control algorithms are intended for this purpose; to act at several levels to conduct the electrical power exchange and improve efficiency, reliability and resilience of the network. INCITE seeks new control algorithms with an integral view of the future electrical networks, covering aspects like energy management, stability of electrical variables, monitoring and communication implementation, energy storage, among others.
http://www.incite-itn.eu/

 

Portugal 2020

Projecto Nº 18006 – NEXTSTEP

2016 – 2019
O projeto visa desenvolver um inovador Posto de Transformação – PT. Os parceiros Efacec Energia – líder do consórcio promotor -, Efacec Electric Mobility, Eneida, Universidade de Coimbra, INESC TEC e ITeCons agregam a experiência e a expetativa da indústria, e o conhecimento e a capacidade científica que as entidades do SCTN aportam ao projeto, visando a criação e a aplicação de novo conhecimento científico, com demonstração na rede de distribuição em Baixa Tensão – BT – da EDP Distribuição, entidade subcontratada. Serão desenvolvidos:

  • Um invólucro modular com elevado desempenho térmico, acústico, físico e mecânico, incluindo: materiais sustentáveis; sensorização ambiental e regulação inteligente da ventilação natural; personalização urbana; cobertura e fachadas verdes, em prol desse desempenho e da captura de CO2.
  • Soluções para resiliência de rede: sensorização sem fios de grandezas elétricas e ambientais (energy harvesting, plug and play, intermutáveis/operáveis).
  • Um controlador do PT com: arquitetura modular e distribuída; monitorização e self-healing remoto da rede BT; monitorização da condição dos ativos; gestão de ativos DER e de iluminação pública; mapeamento automático e agnóstico de smart meters.
  • Um transformador MT/BT, segundo o Ecodesign, com melhor eficiência energética, menor potência sonora e um novo sensor de descargas parciais – DP.
  • Celas MT de menor volume e adaptadas ao novo sensor DP e ao novo detetor de defeitos.
  • Um dispositivo de aplicação flexível – no PT e na rede BT – para: regulação de tensão; prestação de serviços de rede, e.g. mitigação da distorção harmónica, equilíbrio de fases, compensação de cavas e de fator de potência.
  • Um sistema de armazenamento de energia, segundo o Ecodesign, para: acrescentar dimensão à função do dispositivo anterior; aportar eficiência energética, com suporte de capacidade durante o self-healing.

 

Projecto Nº 17584 – iCubas 5D

2016 – 2019
O projeto de desenvolvimento iCubas5D representa um marco disruptivo no projeto mecânico de cubas para transformadores de potência, através da evolução da clássica de representação de planos 2D para um novo conceito de projeto baseado numa utilização de conhecimento 5D inovadora. Pretende-se assim juntar a potencialidade das mais modernas ferramentas de representação 3D, com o cálculo e desenho automático por forma a minimizar o tempo de passagem, tornando as soluções ainda mais simples e ergonómicas, “amigo do fabrico”, dando resposta às cada vez mais acrescidas preocupações em QAS (Qualidade, Ambiente e Segurança).
Para concretizar o projeto, os seguintes parceiros apresentam esta candidatura em co-promoção: EFACEC como líder do consórcio e a Universidade do Minho. Cumprem-se assim os objetivos visados: criação e aplicação do conhecimento científico experimentalmente sustentado.
O projeto apresenta diversas etapas inovadoras que importa realçar:

  • Modelação de famílias paramétricas e associativas com recurso a algoritmos de cálculo mecânico avançado, contemplando o comportamento não-linear, geométrico e de fronteira em regime estacionário e transitório;
  • Integração transversal dos algoritmos desenvolvidos no sistema proprietário, o WinTree, permitindo assim a geração automática otimizada dos desenhos para fabrico;
  • Otimização de componentes segundo uma abordagem de engenharia concorrente centrada em técnicas DFMA (Design For Manufacturing & Assembly);
  • Mitigação de ruído.

É objetivo do projeto garantir que as soluções desenvolvidas otimizem a relação custo/qualidade em prol da valorização competitiva no mercado.

 

Projecto Nº 11122 – DSGrid

2016 – 2018
O DSGrid é um projeto pluridisciplinar que congrega conhecimentos das áreas de (i) energia elétrica, (ii) automação e proteção, (iii) comunicações, (iv) sistemas de tempo real, (v) sistemas embebidos, (vi) cibersegurança e (vii) tecnologias de informação e software, aportados pelas quatro entidades participantes, a Efacec Automação, EDP Distribuição, INESC TEC HASLab (High-Assurance Software Laboratory), e ISEP/IPP CISTER (Research Centre in Real-Time and Embedded Computing Systems). Esta tipologia de sistemas inteiramente digitais caracteriza-se pela integração de redes e substituição dos subsistemas analógicos de sinalização por comunicações de tempo-real e eletrónica, transformando a subestação numa plataforma integrada avançada de automação, controlo, proteção, monitorização e informação desde o processo até às interfaces remotas de supervisão e manutenção/gestão. As vantagens incluem a simplificação de instalações e processos, a flexibilidade e expansibilidade, interoperabilidade, desempenho e fiabilidade e segurança (safety) de operação.

 

Projecto Nº 11490 – ADMS4LV

2016 – 2018
Este projeto visa o desenvolvimento de um sistema de gestão da rede BT cujo objetivo contribua para uma implementação efetiva das smart grids, através da criação de soluções flexíveis que permitam não só antecipar as tendências futuras mas também suportar o aparecimento de novas soluções técnicas, comerciais e de regulação, fomentando assim uma maior eficiência na operação das redes elétricas. Partindo do potencial criado pelas diversas iniciativas de implementação de infra-estruturas de smart metering, capazes de apoiar o desenvolvimento do conceito de smart grid, a rede de Baixa Tensão (BT) revela atrásra, mais que nunca, um conjunto de ativos com características heterogéneas. Enquanto as redes BT convencionais têm possibilidades de controlo muito limitadas, as smart grids oferecem atrásra várias possibilidades de gestão dinâmica da rede. É exatamente esse o objectivo do sistema ADMS4LV.

 

Projecto Nº 19597 – EEM@Future

2016 – 2018
O projeto EEM@Future tem como objetivo o desenvolvimento de novos produtos e direcionar eficientemente a sua capacidade de produção a normas e requisitos específicos de cada mercado onde a empresa pretende reforçar ou obter um novo posicionamento (caso do mercado dos carregadores AC).
Para tal, grande parte do investimento pretende melhorar a área fabril e laboratório de Inovação e Desenvolvimento com vista a permitir uma rapidez e maior flexibilidade de resposta face a necessidades ou solicitações específicas de desenvolvimento de produto, em função de cada mercado. Neste âmbito, importa reforçar que um carregador desenvolvido para o mercado asiático é diferente de um produto direcionado para o europeu, dados os requisitos e normas serem totalmente diferentes. Nesse sentido, urge a necessidade de conseguir metodologias e ferramentas internas mais ágeis para uma rapidez de resposta mais elevada face a lacunas de mercado ou solicitações específicas.

 

Portugal 2020

Projecto Nº 3405 – PowerFlow

2015 – 2018
O projeto aqui apresentado, denominado «Power Flow», visa o desenvolvimento de soluções de armazenamento de energia para os segmentos até 500 kW, com integração de nova tecnologia de baterias (como as Baterias de Fluxo Redox) na cadeia de conversão de energia, de forma a gerar solução otimizada para segmento residencial/condomínios (usando como base sistemas de 30kW a 60 kW) e comercial/industrial (até 500kW) privilegiando integração com sistemas fotovoltaicos. O projeto «Power Flow» propõe-se apresentar uma solução de armazenamento, conversão com eletrónica de potência e gestão de energia, mais racional, ecológica e eficiente que permitirá uma diminuição da utilização de combustíveis fósseis, e consequente diminuição da pegada carbónica.

 

Projecto Nº 7732 – Evolution

2015 – 2017
O projeto “EVolution” visa desenvolver inovadoras soluções de carregamento de veículos elétricos (EVSE), nomeadamente em quatro áreas principais:

  • Carga rápida com armazenamento de energia, o que permite otimizar a potência da instalação fazendo peak shaving, uma vez que este tipo de carga caracteriza-se por um consumo de pico elevado e um consumo médio bastante inferior;
  • Na carga sem contacto (Wireless EV charge ou WEVC);
  • Na carga super-rápida a potência elevada, até 500 kW, e a tensão elevada, até 900 V;
  • Em soluções avançadas de controlo do processo de carregamento, dando sequência ao projeto EFA iCHARGE, desenvolvendo soluções baseadas no protocolo OCPP 2.0 e no protocolo ISO 15118 com enfâse na sua integração na rede elétrica e bidirecionalidade, e o desenvolvimento de um EV technical portal que permita uma gestão técnica dos elementos de uma rede de carregamento, complementar à gestão de negócio que normalmente já está presente.

 

Projecto Nº 8797 – SmarTHER

2015 – 2017
O projeto SmarTHER CORE Transformers persegue o desenvolvimento integrado e transversal de capacidades (conhecimentos, metodologias e processos) que permitam a conceção e construção a curto-prazo de transformadores termicamente mais eficientes, mais inteligentes e mais flexíveis. O projeto foca-se em transformadores de potência do tipo CORE e assenta estrategicamente em 4 linhas de investigação complementares que serão conduzidas simultaneamente: 1) a modelização numérica multífisica e multidisciplinar combinada, 2) a modelização algébrica (portanto de ordem reduzida e mais simplificada), 3) as respetivas validações experimentais multi-escala e 4) a otimização do atual ciclo de desenvolvimento do produto. Este projeto, sendo transversal, será garantido por equipas internas da EFACEC (que se reforçarão) e simultaneamente recorrerá à subcontratação dos serviços da Universidade do Porto, cujo forte histórico de colaborações conjuntas na modelização térmica de transformadores se acredita garantir tamanha dimensão de resultados na escala de tempo apresentada. O objetivo é por isso atingir resultados a curto-prazo que permitam: 1) produzir transformadores de potência do tipo CORE com um Throughput Time reduzido em 17%, 2) produzir transformadores do tipo CORE com uma performance mais repetível reduzindo o seu custo médio em 2%, 3) e prever a performance térmica deste tipo de transformadores perante perfis dinâmicos de carga.

 

Projecto Nº 11494 – SmartTransit

2015 – 2017
O projeto SMARTTRANSIT alicerça-se na inovação tecnológica como fator diferenciador e decisivo para que o promotor e a UN Transportes reforce a sua capacidade de liderança em mercados internacionais e se posicione na vanguarda das empresas portuguesas exportadoras de tecnologia e de soluções avançadas. As realizações do projeto permitirão à empresa, aumentar a sua oferta, no que concerne a soluções chave-na-mão, para o segmento de mercado dos metros ligeiros e ferrovias, reforçando a competitividade, aumentando a autonomia tecnológica, aportando funcionalidades e ferramentas diferenciadoras dos demais fabricantes. Com o presente projeto pretende-se desenvolver uma nova solução orientada aos Sistemas de Ajuda à Exploração (SAE) e de informação ao passageiro/público, tendo como objetivo principal o controlo avançado da regularidade e da pontualidade do serviço de transporte que é disponibilizado, a informação em tempo real e o controlo e gestão das operações e dos recursos envolvidos. Pretende-se ainda desenvolver uma solução/ferramenta que permita auxiliar os operadores de transporte na implementação de práticas de condução ecológica, e uma solução avançada para comunicações assente nas tecnologias mais modernas para comunicações de voz e dados.

 

Projectos Co-Promoção

Projecto Nº 039016 – UEB

O UEB é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a CAETANOBUS-Fabricação de Carroçarias, S.A. na qualidade de Chefe do Consórcio e a Efacec Engenharia e Sistemas, FEUP e INEGI como co-promotores, financiado em € 1.000.000 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2014/039016 com um montante de investimento global aprovado de € 2.009.873 e com um período de execução compreendido entre 01/set/2013 e 01/jun/2015. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de um autocarro urbano com motorização 100% eléctrica equipado com um sistema de carregamento assente no standard CO que permita a recarga das baterias em qualquer ponto de carregamento da rede de carga de veículos eléctricos, e que configure uma solução técnica e economicamente viável e, simultaneamente, alcance de um nível de autonomia até 250km e uma capacidade igual ou superior a 75 passageiros.

 

Projecto Nº 038910 – Linked:PM

O Linked:PM é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EFACEC SISTEMAS DE GESTÃO, SA na qualidade de Chefe do Consórcio e Shortcut e Efacec Engenharia e Sistemas, SA como co-promotores, financiado em € 148.998, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2014/038910 com um montante de investimento global aprovado de € 242.723, e com um período de execução compreendido entre 02/jan/2014 e 30/jun/2015. Tem como principal objectivo captar, gerir e disseminar o conhecimento gerado nas atividades de projeto contribuindo para a criação e manutenção da memória organizacional baseada na interligação dinâmica e em rede de toda a informação interna e externa relevante para a gestão e desenvolvimento de projectos.

Projectos Individuais

Projecto Nº 30305 – Ipsilon

O Ipsilon é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 538.748,34 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2013/30305 com um montante de investimento global aprovado de € 2.154.993,35 e com um período de execução compreendido entre 01/mar/2013 e 28/fev/2015. Tem como principais desafios, que se pretende que redundem em sistemas, produtos e soluções:
– uma nova plataforma multi-funcional e multi-serviço em que o conceito de operação e de integração é completamente inovador;
– um módulo/sistema para Gestão e Controlo de Parque de Material e Oficinas (PMO) para Metros Ligeiros;
– um sistema de sinalização/encravamento para PMOs com nível de integridade de segurança SIL4;
– um sistema para detecção de veículos metro-ferroviários suportado em sensores de fibra óptica e orientado a controlo de PMOs;

 

Projecto Nº 34118 – 3Phase

O 3Phase é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 641.202,18 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2013/34118 com um montante de investimento global aprovado de € 1.115.339,09 e com um período de execução compreendido entre 01/jul/2013 e 30/jun/2015. Tem como principal objectivo dotar a Efacec de novas aplicações na área dos sistemas de energia, com o intuito de reforçar a sua oferta na área dos sistemas SCADA/DMS para redes elétricas trifásicas desequilibradas.

 

Projecto Nº 24679 – Outside

O Outside é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 276.821,64 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2012/24679 com um montante de investimento global aprovado de € 650.795,05 e com um período de execução compreendido entre 01/Jan/2013 e 31/Dez/2014. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de um Sistema de Gestão de Incidentes para dotar as redes de distribuição de melhor desempenho e eficiência, além do actual estado da arte, com base na experiência inicial da Advanced Control Systems, empresa norte-americana participada da Efacec.

 

Projectos Co-Promoção

Projecto Nº 30249 – MonitorBT

O MonitorBT é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA na qualidade de Chefe do Consórcio e INOV Inesc como co-promotor, financiado em € 724.576, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2013/30249 com um montante de investimento global aprovado de € 1.125.169, e com um período de execução compreendido entre 01/Jun/2013 e 31/Mai/2015. Tem como principal objectivo Tem como principal objectivo detectar e localizar automáticamente as falhas na rede BT e Iluminação Pública bem como o controlo dinâmico de potência injectada na rede por parte de micro-produtores. Será também realizada a sensorização da rede BT por forma a suportar estas funcionalidades, destacando-se neste âmbito as actividades relacionadas com a investigação e desenvolvimento da rede de comunicações e algoritmia avançada para optimização da operação da rede BT.

 

Projecto Nº 33960 – AdvancedLTF

O AdvancedLTF é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA na qualidade de Chefe do Consórcio e FEUP como co-promotor, financiado em € 413.457, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2013/33960 com um montante de investimento global aprovado de € 768.824, e com um período de execução compreendido entre 01/Jul/2013 e 30/Jun/2015. Tem como principal objectivo Tem como principal objectivo desenvolver uma tecnologia multi-estágios, com uma etapa de oxidação fotocatalítica avançada, com radiação UV solar e/ou artificial, combinada com processos biológicos, tendo como objectivo a eliminação de substâncias orgânicas não biodegradáveis (ex: xenobióticos e compostos recalcitrantes), e promover uma melhoria substancial na qualidade do efluente final das ETAL, que permita o cumprimento das exigências legais. Tudo isto a um custo compatível com as tecnologias de tratamento existentes no mercado.

Projecto Nº 034071 – QT1

O QT1 é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EFACEC ENERGIA – MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS ELÉCTRICOS, SA na qualidade de Chefe do Consórcio e Fibersensing como co-promotor, financiado em € 536.994 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2013/034071 com um montante de investimento global aprovado de € 1.180.106 e com um período de execução compreendido entre 01/jul/2013 e 26/jun/2015. Tem como principal objectivo a aquisição de know-how para o desenvolvimento de uma nova gama de transformadores de baixo ruído que cumpra a restritiva legislação acústica aplicável em regiões urbanas densamente povoadas.

Projectos Individuais

Projecto Nº 24663 – EFAiCharge

O EFAiCharge é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 662.891,25 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2012/24663 com um montante de investimento global aprovado de € 1.234.646,06 e com um período de execução compreendido entre 27/Mar/2012 e 26/Mar/2014. Tem como principal objectivo abordar duas áreas complementares que irão interagir, endereçando não só a infraestrutura de carregamento que assegurará o interface com os veículos, como também a interface com a gestão inteligente da rede eléctrica, sendo determinante para minizar o impacto da integração dos VE nas redes eléctricas.

 

Projecto Nº Nº 24662 – MtGrid

O MtGrid é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 435.880,06 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2012/24662 com um montante de investimento global aprovado de € 809.747,98 e com um período de execução compreendido entre 01/Set/2012 e 31/Ago/2014. Tem como principal objectivo desenvolver uma solução de comunicações multi-tecnologia, redundante e segura para transporte bidireccional de informação entre Ces colocados em instalações de Baixa Tensão (BT) e os PTs da rede eléctrica.

 

Projecto Nº 24661 – SCADA BT

O SCADA BT é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 769.300,74 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2012/24661 com um montante de investimento global aprovado de € 1.307.787,93 e com um período de execução compreendido entre 01/Set/2012 e 31/Ago/2014. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de soluções tecnológicas e comerciais, bem como sistemas, que contribuam para uma implementação efectiva das SmartGrids, criando soluções flexíveis que permitam antecipar as tendências futuras, mas que suportem também o aparecimento de novas técnicas, comerciais e de regulação, fomentando uma maior eficiência na operação da rede eléctrica.

 

Projecto Nº 24777 – NxVERTER

O NxVERTER é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 390.300,85 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2012/24777 com um montante de investimento global aprovado de € 956.045,40 e com um período de execução compreendido entre 01/Set/2012 e 31/Ago/2014. Tem como principal objectivo a investigação e desenvolvimento de conversor electrónico destinado a centrais fotovoltaicas de grande potência.

 

Projectos Co-Promoção

Projecto Nº 23269 – EnAware

O EnAware é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA na qualidade de Chefe do Consórcio e Associação Fraunhofer Portugal Research, EFAPEL – Empresa Fabril de Produtos Eléctricos, S.A., Bosch Termotecnologia, S.A. como co-promotores, financiado em € 347.300, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2012/023269 com um montante de investimento global aprovado de € 732.512, e com um período de execução compreendido entre 01/Jun/2012 e 31/Mai/2014. Tem como principal objectivo aproveitar a presença de um contador inteligente no ambiente residencial – a Energy Box – como um ponto de ligação entre dois paradigmas normalmente vistos como separados: Smart Grids e Domótica.

Projectos Individuais

Projecto Nº 18509 – Shell CTC

O Shell CTC é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENERGIA – MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS ELÉCTRICOS, SA, financiado em € 214.110,78, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2010/18509 com um montante de investimento global aprovado de € 546.637,04, e com um período de execução compreendido entre 01/Mar/2011 e 28/Fev/2013. Tem como principal objectivo a investigação e Desenvolvimento das tecnologias inerentes aos Grandes Transformadores SHELL.

 

Projecto Nº 18571 – Mercury

O Mercury é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 818.562,52 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2010/18571 com um montante de investimento global aprovado de € 1.831.452,40 e com um período de execução compreendido entre 01/Mar/2011 e 28/Fev/2013. Tem como principal objectivo enriquecimento do portfólio de produtos e sistemas com ênfase especial em metros ligeiros e ferrovias.

 

Projecto Nº 22910 – Greenfix

O Greenfix é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENERGIA – MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS ELÉCTRICOS, SA, financiado em € 376.555,94, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2012/22910 com um montante de investimento global aprovado de € 947.368,00, e com um período de execução compreendido entre 01/Out/2011 e 30/Set/2013. Tem como principal objectivo a investigação, concepção e certificação de novas aparelhagens eléctricas seguras, de acordo com as mais recentes e relevantes normas electrotécnicas internacionais.

 

Projectos Co-Promoção

Projecto Nº 21592 – HbioS

O HbioS é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a WeDoTech na qualidade de Chefe do Consórcio e EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, Universidade Católica Portuguesa como co-promotores, financiado em € 436.410, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2011/021592 com um montante de investimento global aprovado de € 782.788, e com um período de execução compreendido entre 01/Jan/2012 e 31/Dez/2014. Tem como principal objectivo introdução de inovações biotecnológicas para a remoção do H2S presente no biogás.

 

Projectos Mobilizadores

Projecto Nº 13843 – TICE.MOBILIDADE

O TICE.MOBILIDADE é um projecto Mobilizador, desenvolvido entre a METICUBE – Sistemas de Informação, Comunicação e Multimédia, LDA na qualidade de Chefe do Consórcio e mais 28 empresas/entidades nas quais está incluída a EFACEC Engenharia e Sistemas, S.A. como co-promotores, financiado em € 4.014.549,5 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2010/013843 com um montante de investimento global aprovado de € 5.637.912,69 e com um período de execução compreendido entre 01/Jan/2011 e 31/Dez/2013. Tem como principal objectivo a exploração de novas soluções para o transporte urbano, mais eficientes e abrangentes, através do uso de tecnologias de informação e comunicação (TIC) que permitam integrar as várias soluções disponíveis, duma forma ecológica, energeticamente eficiente e com mais qualidade para o utente, em coordenação e cooperação com outras iniciativas nacionais.
www.tice.pt

Projectos Co-Promoção

Projecto Nº 13795 – C5 Eléctrico

O C5 Eléctrico é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a CAETANOBUS-Fabricação de Carroçarias, S.A. na qualidade de Chefe do Consórcio e EFACEC Engenharia e Sistemas, S.A. e INEGI – Instituto de Engenharia Mecânica e Gestão Industrial como co-promotores, financiado em € 389.053,88 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2010/013795 com um montante de investimento global aprovado de € 1.094.244,13 e com um período de execução compreendido entre 02/Fev/2010 e 30/Dez/2011. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de um Autocarro eléctrico para utilização em via pública, utilizando apenas propulsão com recurso a potência electromotriz.

 

Projectos Mobilizadores

Projecto Nº 13849 – PRODUTEC_PSI

O PRODUTEC_PSI é um projecto Mobilizador, desenvolvido entre a TEGOPI-Indústria Metalomecânica, S.A. na qualidade de Chefe do Consórcio e mais 39 empresas/entidades nas quais está incluida a EFACEC Engenharia e Sistemas, S.A. como co-promotores, financiado em € 5.000.000,0 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2010/013849 com um montante de investimento global aprovado de € 7.111.704,67 e com um período de execução compreendido entre 01/Set/2010 e 31/Ago/2013. Tem como principal objectivo, a dinamização, de forma estruturada, da emergência de economias de aglomeração, através da cooperação e do funcionamento em rede entre as empresas e entre estas e outros actores relevantes para o desenvolvimento dos sectores a que pertencem, nomeadamente entidades sectoriais, entidades do sistema científico e tecnológico nacional e empresas e outras entidades dos principais sectores utilizadores dessas tecnologias.
www.produtech.org

 

Projecto Nº 13844 – Mobicar

O Mobicar é um projecto Mobilizador, desenvolvido entre a VN Automóveis na qualidade de Chefe do Consórcio e + 16 entidades entre elas a Efacec Engenharia e Sistemas como co-promotores, financiado em € 5.000.000, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2010/013844 com um montante de investimento global aprovado de € 7.408.889, e com um período de execução compreendido entre 01/Jul/2010 e 31/Ago/2012. Tem como principal objectivo desenvolver componentes do powertrain com características de multi-aplicação, de forma a aumentar a eficiência energética e o desempenho do veículo bem como a sua integração na rede eléctrica.

 

Projecto Nº 13851 – Produtech PTI

O Produtech PTI é um projecto Mobilizador, desenvolvido entre a TEGOPI na qualidade de Chefe do Consórcio e + 19 entidades entre elas a Efacec Engenharia e Sistemas como co-promotores, financiado em € 3.841.490, pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2010/013851 com um montante de investimento global aprovado de € 5.529.402, e com um período de execução compreendido entre 01/Set/2010 e 31/Ago/2013. Tem como principal objectivo Desenhar de modelos de negócio inovadores e ferramentas de apoio à sua implementação, permitir às empresas desenvolver novos produtos, de forma rápida e eficiente e Desenhar e desenvolver aplicações periféricas com vista a soluções de robotização flexível e móvel.

Projectos Individuais

Projecto Nº 5448 – NCL 50kA

O NCL 50kA é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENERGIA – MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS ELÉCTRICOS, SA, financiado em € 70.147,35 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2009/5448 com um montante de investimento global aprovado de € 224.409,2 e com um período de execução compreendido entre 01/Fev/2009 e 31/Jul/2011. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de uma gama de celas extraíveis isoladas a ar adequadas para o nível de 12 kV-50kA, incluindo disjuntores de vácuo e seccionadores de terra.

 

Projecto Nº 5382 – SmartCenter

O SmartCenter é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 1.141.174,84 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2009/5382 com um montante de investimento global aprovado de € 1.828.050,96 e com um período de execução compreendido entre 02/Fev/2009 e 31/Dez/2010. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de uma Plataforma Avançada de Apoio à Exploração e à Segurança em Sistemas de Transporte.

 

Projecto Nº 5489 – PROSINAL

O PROSINAL é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 321.689,4 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2009/5489 com um montante de investimento global aprovado de € 780.036,31 e com um período de execução compreendido entre 19/Jan/2009 e 30/Jun/2010. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de um Sistema de Sinalização Piloto para Metro Ligeiro.

 

Projecto Nº 6582 – TREC

O TREC é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 293.183,56 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2009/6582 com um montante de investimento global aprovado de € 650.874,8 e com um período de execução compreendido entre 01/Jun/2009 e 30/Nov/2013. Tem como principal objectivo conceber um Transelevador Rápido com Estrutura Compósita de elevada dinâmica, tipo Miniload, vocacionado para aplicações de manipulação de cargas ligeiras contentorizadas, em aplicações que exijam elevada cadência, contenção de esforços transmitidos para o exterior e contenção da potência total instalada.

 

Projecto Nº 6584 – TTS

O TTS é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 265.796,78 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2009/6584 com um montante de investimento global aprovado de € 818.275,17 e com um período de execução compreendido entre 01/Jun/2009 e 31/Mai/2012. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de um equipamento de triagem automática de materiais (caixas, malas, livros, pacotes, etc.) de elevada cadência – Tilt Tray Sorter (TTS).

 

Projecto Nº 11990 – GID

O GID é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENERGIA – MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS ELÉCTRICOS, SA, financiado em € 283.337,06 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2010/11990 com um montante de investimento global aprovado de € 664.303,93 e com um período de execução compreendido entre 06/Nov/2009 e 16/Mar/2011. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de uma Grande Indutância de Derivação do tipo Shell com aplicação em máquinas trifásicas de 70MVAr e 220kV.

 

Projecto Nº 5316 – CTTBMFS

O CTTBMFS é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 553.222,79 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2009/5316 com um montante de investimento global aprovado de € 1.018.847,91 e com um período de execução compreendido entre 19/Jan/2009 e 31/Jul/2010. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de Equipamentos de monitorização e teste de efeitos de radiação Espacial. O objectivo deste projecto é o de desenvolver os equipamentos de modo a ser possível a sua produção e fornecimento à ESA, não só para o satélite Alphasat, mas também em futuras missões científicas de exploração do sistema solar.

 

Projecto Nº 5313 – ECORAIL

O ECORAIL é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 198.627,55 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2009/5313 com um montante de investimento global aprovado de € 608.221,31 e com um período de execução compreendido entre 01/Fev/2009 e 31/Dez/2010. Tem como principal objectivo, o estudo de sistemas de Energia Regenerativa para Metros. Estudar e validar as soluções desenvolvidas em aplicação real, actividade que ao ser executada permitirá um conhecimento de concepção e produção dos conversores e dos sistemas de armazenamento de energia eléctrica.

 

Projectos Co-Promoção

Projecto Nº 3423 – SolarSel

O SolarSel é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA na qualidade de Chefe do Consórcio e FEUP, CIN-Corporação Industrial do Norte, S.A. e CUF-Químicos Industriais,S.A. como co-promotores, financiado em € 480.432,01 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2009/003423 com um montante de investimento global aprovado de € 967.576,2 e com um período de execução compreendido entre 01/Out/2008 e 30/Set/2011. Tem como principal objectivo o desenvolvimento e industrialização de células solares de terceira geração, envolvendo um sistema inovador de selagem e montagem de DSC.

 

Projecto Nº 1604 – INOVGRID

O INOVGRID é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EDP DISTRIBUIÇÃO – ENERGIA, SA. na qualidade de Chefe do Consórcio e EFACEC Engenharia e Sistemas, S.A., Contar Electrónica Industrial, Lda. e LogicaTI Portugal S.A. como co-promotores, financiado em € 3.649.309,83 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2009/001604 com um montante de investimento global aprovado de € 6.248.879,88 e com um período de execução compreendido entre 01/Mar/2008 e 31/Dez/2010. Tem como principal objectivo a substituição dos actuais contadores de Baixa Tensão por dispositivos electrónicos denominados Energy Box’s (EB’s) de tipologia AMM (Automated Meter Management), integradas numa rede eléctrica automatizada de terceira geração (smart grid).

 

Projecto Nº 5726 – Infraestrutura_VE

O Infraestrutura_VE é um projecto em Co-Promoção, desenvolvido entre a EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA na qualidade de Chefe do Consórcio e INTELI – Inteligência e Inovação, CEIIA – Centro para a Excelência e Inovação na Industria Automóvel, CRITICAL Software, S.A. e NOVABASE ENTERPRISE APPLICATION – Sistemas de Informação de Gestão Empresarial, S.A. como co-promotores, financiado em € 1.102.701,27 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com a ADI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2010/005726 com um montante de investimento global aprovado de € 1.857.296,62 e com um período de execução compreendido entre 01/Abr/2009 e 30/Set/2010. Tem como principal objectivo o Desenvolvimento e Prototipagem da Infra-estrutura Piloto para o Carregamento de Veículos Eléctricos. Tem como objectivo primordial o desenvolvimento de uma solução tecnologicamente inovadora concebida e fabricada por empresas portuguesas e que constituirá idealmente a plataforma de suporte e de referência na introdução dos veículos eléctricos em Portugal.

Projectos Individuais

Projecto Nº 2567 – IMPCC

O IMPCC é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENERGIA – MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS ELÉCTRICOS, SA, financiado em € 102.924,97 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2008/2567 com um montante de investimento global aprovado de € 158.511,5 e com um período de execução compreendido entre 02/Jun/2008 e 31/Mai/2010. Tem como principal objectivo, o estudo dos aspectos que influenciam o desempenho e fiabilidade dos transformadores de potência (pontos quentes para incorporar nas plataformas avançadas de engenharia de cálculo e projecto (WINTREE)).

 

Projecto Nº 2550 – ELFAQC

O ELFAQC é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENERGIA – MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS ELÉCTRICOS, SA, financiado em € 201.567,44 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2008/2550 com um montante de investimento global aprovado de € 310.103,75 e com um período de execução compreendido entre 02/Jun/2008 e 31/Dez/2009. Tem como principal objectivo o desenvolvimento de nova linha de ferramentas de engenharia avançada para a área dos projectos de transformadores de potência.

 

Projecto Nº 2520 – InPact

O InPact é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 313.048,38 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2008/2520 com um montante de investimento global aprovado de € 532.234,67 e com um período de execução compreendido entre 01/Jun/2008 e 30/Set/2010. Tem como principal objectivo a integração de ferramentas de engenharia para protecção, automação e controlo de sistemas.

 

Projecto Nº 2523 – TransProt

O TransProt é um projecto Individual, desenvolvido pela EFACEC ENGENHARIA E SISTEMAS, SA, financiado em € 226.980,04 pelo QREN, no âmbito do Programa Operacional Factores de Competitividade, contratualizados com o IAPMEI através do Contrato de Concessão Incentivos Financeiros n.º 2008/2523 com um montante de investimento global aprovado de € 492.331,83 e com um período de execução compreendido entre 01/Jul/2008 e 30/Set/2010. Tem como principal objectivo desenvolvimento de unidades de protecção para redes de transporte de energia.

Apoios e incentivos – Projetos P2020

Trata-se do ACORDO DE PARCERIA adotado entre Portugal e a Comissão Europeia, no qual se definem os princípios de programação que consagram a política de desenvolvimento económico, social e territorial para promover, em Portugal, entre 2014 e 2020.

Merece destaque a Estratégia de Investigação e Inovação de Portugal para uma Especialização Inteligente nas suas componentes NACIONAL e REGIONAIS, que identifica as grandes apostas estratégicas inteligentes, que são temas com especialização científica, tecnológica e económica, nos quais Portugal e as suas regiões detêm vantagens comparativas e competitivas ou que revelaram potencial de emergir como tais. O alinhamento com essas estratégias constitui obrigatoriedade na concretização dos investimentos do Portugal 2020 em Investigação, Desenvolvimento tecnológico e Inovação (OT 1) e prioridade noutros casos, como por exemplo, no âmbito dos apoios à competitividade das PME (OT 3).

Estes princípios de programação estão alinhados com o Crescimento Inteligente, Sustentável e Inclusivo, prosseguindo a ESTRATÉGIA EUROPA 2020.”

www.portugal2020.pt

Links

1.º Efacec Technology Community Day juntou 90 colaboradores de todas as áreas da empresa, na Porto Business School

Realizou-se o 1º Efacec Technology Community Day, iniciativa liderada pelo Gabinete de Gestão de Tecnologia (GdT), e que representou mais um importante passo para a concretização de objetivos traçados pela Comissão Executiva – uma forte aposta na inovação tecnológica transversalmente à organização e da promoção, crescente e estruturada, da partilha de conhecimento em áreas funcionais estruturantes.

Sob liderança organizativa do Gabinete de Gestão de Tecnologia (GdT), o 1.º Efacec Technology Community Day realizou-se a 5 de Abril, na Porto Business School. Ao longo do dia e num fórum vocacionado ao debate estratégico do futuro tecnológico da Efacec, participaram activamente a Comissão Executiva, a globalidade dos Diretores Corporativos, membros da comunidade tecnológica de todas as Unidades de Negócio (UN), elementos das diferentes áreas corporativas e uma oradora convidada, a Dra. Teresa Passos, especialista em atitudes e comportamentos humanos, da consultora internacional Dynargie, fundada na Suíça em 1982.

O evento dedicou-se à inovação tecnológica nas diferentes UN da Efacec, tendo estado em foco os principais desenvolvimentos tecnológicos recentes e a partilha alargada do Plano Estratégico de Desenvolvimento Tecnológico (PEDT) 2017-2021 de cada UN. Este salienta a perspectiva de mercado, as tendências tecnológicas, os domínios chave para a UN bem como a ambição futura para o posicionamento e oferta de cada UN. O Plano Tecnológico para o desenvolvimento de novos produtos, soluções, serviços e para a melhoria dos processos internos foi partilhado no sentido de evidenciar a forma de melhorar a competitividade da UN nos mercados em que atua ou pretende atuar a médio prazo. Esta partilha alargada das prioridades estratégicas de inovação tecnológica constitui o ponto de partida para a identificação de sinergias e para a elaboração do futuro Roadmap Tecnológico da Efacec (RTE).

O evento serviu igualmente para o Gabinete de Gestão de Tecnologia partilhar, com os cerca de 90 colaboradores presentes, o aumento expressivo do número de projectos de Investigação e Desenvolvimento Tecnológico em curso no âmbito do Programa Europeu HORIZON 2020 ou Portugal 2020, bem como o elevado potencial de geração de valor endógeno de cada projecto.

Antes do encerramento, efetuado pelo CEO da Efacec, Ângelo Ramalho, a Dra. Teresa Passos, realizou uma interessante intervenção, realçando a importância crescente das soft-skills no sucesso dos processos transformacionais cada vez mais actuais nos nossos dias, sob o tema Innovation Mindset & Design Thinking.

Este 1º Efacec Technology Community Day, dedicado ao pilar da Inovação Tecnológica do Plano de Transformação Efacec 2020, reforça o espírito de partilha, evidenciando várias sinergias de elevado potencial para maximizar a cadeia de valor da oferta Efacec.

Encontro Anual 2017 do CIGRE Portugal contou com participação da Efacec

O Encontro decorreu hoje, 17 de Março, nas instalações de Sacavém da REN – Redes Energéticas Nacionais e contou com a participação de mais de 100 Quadros de empresas e com as intervenções de Jácomo Ramos e Hugo Campelo, colaboradores das Unidade de Negócios de Transformadores e de Rogério Dias Paulo, colaborador da Unidade de Negócios de Automação.

Jácomo Ramos coordena um Comité de Estudos sobre Transformadores e participou num painel intitulado Balanço do Trabalho Desenvolvido em 2016 nos Comités de Estudo e Rogério Dias Paulo e Hugo Campelo efetuaram, respetivamente, apresentações subordinadas aos temas Subestações Digitais e Inovador Modelo térmico para Enrolamentos do Tipo Shell. Validação com CFD e Experiências.

Constituindo-se como um fórum único no mundo, o CIGRE (Conselho Internacional das Grandes Redes Elétricas), congrega membros coletivos (utilities do setor elétrico, fabricantes de equipamento elétrico e de comando e controlo e de investigação na área dos sistemas elétricos) e membros individuais, das mais diversas áreas respeitantes à tecnologia e gestão técnica dos sistemas de energia elétrica. Conta com a colaboração de centenas de pessoas altamente qualificadas – membros e não membros em Comités de Estudo e Grupos de Trabalho, produzindo documentação da mais relevante valia técnica, usada em todo o mundo na produção de normas (CENELEC e IEC), de legislação e de manuais de boas práticas.

Embaixador de Portugal nos Emirados Árabes Unidos visita Stand Efacec, na Middle East Electricity

O Sr. Embaixador de Portugal nos Emirados Árabes Unidos, Joaquim Moreira de Lemos, visitou o nosso stand no primeiro dia na Feira Middle East Electricity, que decorreu de 14 a 16 de Fevereiro no Dubai.

O Sr. Embaixador fez-se acompanhar do Diretor do AICEP na embaixada local, Nuno Lima Leite. A visita destes foi recebida pelo CEO e restante delegação da Efacec presente no evento.

Agradecendo o convite da Efacec, o Sr. Embaixador congratulou-se com a presença da empresa no evento e em negócios na região, reiterando a disponibilidade para apoiar iniciativas da mesma no país.

A Efacec esteve presente no MEE 2017, apresentando a sua oferta para Smart Grids, Aparelhagem, Transformadores de Potência, Subestações Móveis, SCADA, Automação de Subestação Digital, EPC Solar, Estações FV, Carregadores para Veículos Elétricos e Armazenamento de Energia.