A Efacec, em parceria com as empresas Alexandre Barbosa Borges (ABB) e Névoa, obteve a adjudicação do contrato de conceção e construção do novo emissário e ETAR de Braga, no Vale do Este, sendo a AGERE, Entidade Gestora de Águas e Resíduos do Município de Braga, a entidade adjudicante.

A construção desta ETAR, com uma capacidade de tratamento de efluentes de cerca de 200 mil habitantes equivalentes, permite reforçar o Sistema de Tratamento de Águas Residuais do concelho de Braga.

A solução preconizada para a ETAR do Este visa a construção de uma instalação sustentável, através da seleção de tecnologias e equipamentos que fomentam a eficiência energética, a reutilização de efluente tratado, a redução de produção de resíduos e consequente redução de emissão de CO2 na atmosfera.

O processo de tratamento adotado baseia-se num tratamento secundário por lamas ativadas, concretizado em reatores biológicos, com remoção de nutrientes, seguido de tratamento terciário composto por desinfeção por UV. O tratamento das lamas inclui uma etapa de digestão anaeróbia com aproveitamento de biogás para a produção de energia, desidratação mecânica de alto rendimento seguido de secagem solar em estufa.

É com grande entusiasmo que a Efacec abraça este novo projeto que permitirá dar mais um passo no alcance das metas definidas no Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 6 (garantir a disponibilidade e a gestão sustentável da água potável e do saneamento para todos). Ao mesmo tempo que reforça o posicionamento da Efacec como um dos principais players a nível nacional na área do tratamento de águas.